Sou romântica sim, e daí?

Padrão

Estava eu cá, pensando com os meus botões (blah,não acredito que fui tão clichê e usei esta expressão…Mas, vá!!) sobre o título deste post: SER ROMÂNTICA. Atualmente, muita gente vê isso como defeito. Os homens (dizem por aí que há exceções) tem vergonha de assumir isto e acabarem passando por gays, ou serem rotulados de sensíveis demais, o que, dentre os demais seres da raça (sim, eu disse raça) masculina talvez seja uma das piores catástrofes. Já as mulheres, até elas, ou melhor, até nós, que há algumas décadas atrás éramos o tal sexo frágil, delicadas, sensíveis, sentimentais, etc, etc, e etc, nos últimos tempos, acabamos por vestir uma capa/máscara de duronas-volúveis-fulgazes, crendo, por alguma idiota razão qualquer, que isso nos faria seres humanos melhores…ao menos aos olhos dos outros seres humanos masculinos.

Acontece que – adivinhem só – não nos fez. Nem nos faz. Tampouco nos fará. Ledo engano caras colegas feminas, felinas, femininas, efeminadas…neste meio tempo, perdemos o veio do caminho e o que, críamos, nos aproximaria deles, na verdade, fez foi nos distanciar.Erramos – e feio!!! – ao escolher taxar como negativo e até execrável aquela qualidade ou aquele jeitinho de ser que nos faz exatamente o que somos: mulheres, femininas!! Nada de paraíba masculina mulher macho sim senhor . Com todo o devido respeito a Luiz Gonzaga! Que Deus ou o diabo – sabe-se lá!!! – o tenha!

O que há de errado em ser romântica? Que mal há nisso? Que mau há nisto? Qual é o pecado? E por isso, não tenho pudor algum em bater no peito e dizer da forma mais sonora possível: SOU ROMÂNTICA SIM, E DAÍ? E se acreditasse em zodíaco, diria que esta é uma característica típica do meu signo.

O fato é que eu curto muito receber telefonemas surpresas ao longo do dia, só pra ouvi-lo dizer que estava com saudades, que queria ouvir minha voz, dizer “Te amo!” e desligar. Flores e bombons, então, como não amar recebê-los? Ainda mais se for com um belo cartão e, quem sabe até, um convite pra uma “noite de amor” (quem pensa que sexo não tem a ver com romance…tsc, tsc, tsc…aliás, sexo deveria sempre ser romântico! É tão melhor…!).

Quer coisa mais fofa do que aqueles caras que se preocupam em abrir a porta pra você sair e entrar no carro, puxam a cadeira do restaurante, pra você sentar? E café da manhã na cama, então?? Preparado por ele? Afe…isso por si só já é uma senhora preliminar, caros leitores(as)! Se ele for afinadinho e souber tocar algum instrumento, uma serenata também não faz mal algum. Na era tecnológica, scraps, depoimentos, e-mails, cartões virtuais, SMS com declarações de amor, ou um simples “Eu te amo”, sem que seja necessário uma data especial pra isso, também fazem as vezes eficazmente. Pra ser romântico, não precisar necessriamente ter dinheiro nem gastar muito.

Romance é ele gravar, mesmo sem você ter pedido,  o seu programa preferido quando você está viajando só pra você poder ver quando voltar. Romance é vocês passarem a madrugada inteira no telefone, sem nem se preocupar com a conta, e sem nem ver que o dia está prestes a amanhecer. É  simplesmente caminhar de mãos dadas, mesmo que seja sem destino certo, e sem se preocupar com a hora. É ele te  olhar nos olhos e, mesmo sem dizer nada, vocês se comunicarem. Ser romântico é levá-la pro hospital quando ela está passando muito mal, e ficar a noite inteira acordado, olhando pra ela, sentado numa cadeira desconfortável, e ainda achá-la linda mesmo assim. É dormir de conchinha!! Romance é ele ter a paciência de te aturar mesmo no auge da TPM, sem se estressar, entendendo que os seus hormônios não são iguais aos dele, e que daqui a poucos dias isso passa. É você ir socorrê-la do outro lado da cidade, atravessando um trânsito catastrófico, só pra trocar o pneu furado do carro dela (se aqui você pensou “Não tinha Borracharia por perto não?”, volte ao começo do texto e estude novamente esta lição!!!) . Romance é ele te olhar com aquele brilho no olhar da primeira vez, quando você se arruma de maneira especial pra ele. É ele não saber cozinhar direito,mas mesmo assim se esforçar em aprender a fazer a sua comida preferida. Romance são taaaaaaantas outras coisas…………

E eu quero isso. Quero isso tudo. Tá, talvez não tudo concentrado num carinha só (sejamos um pouco realistas, ok?), porque daí seria perfeito até demais, né? E, aqui entre nós: *cochicho* até no romance há que haver equilíbrio,hein?? Tudo o que é demais e exagerado, passa do ponto e dificilmente agrada. Mas é que pra haver romance, não é necessário que haja perfeição. Há, inclusive, um ar deveras romântico em certas imperfeições do outro. Pra haver romance, também não é necessário que haja um grande espaço de tempo, um relacionamento de anos…pode-se viver um romance de fim de semana (ou de verão, ou de inverno, de outono…). E eu te digo: se for romance meeeeesmo, vai marcar pra vida inteira. Marca sim, porque já vivi isso! Já tive meus momentos de buquês de flores no meio do expediente, surpresas no final da aula, telefonemas no meio da madugada, com apenas essa música tocando, e a respiração dele, no final…são coisas que não se tem como esquecer. São redundante e absolutamente inesquecíveis!!

Por fim, quero falar aqui especificamente com os rapazes que por um motivo ou outro, chegaram até este ponto destas mal traçadas linhas: sejam românticos, meninos!! Nós (ou a maioria de nós) gostamos disso, por mais que insistamos em dizer o contrário. Não tenham vergonha de parecerem ridículos nem se acanhem destes gestos. Eles não precisam ser públicos nem tão explícitos assim.Mas, sejam! Ajam! Façam! Romanciem! Porque grande parte disso tudo parte e começa em vocês.

“Talvez eu seja a última romântica dos litorais desse oceano atlântico”, como diria o Lulu. E, se eu fo(sse) r, quanta tristeza, viu? Quanta dureza…!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s